TV Câmara

Câmara homenageia as benzedeiras e benzedeiros de Florianópolis

terça-feira, 30 Novembro, 2021 - 16:40

A benzedura foi por muito tempo uma prática de cura adotada por pessoas que viviam em localidades onde o acesso à medicina era mais difícil. Embora hoje em dia não seja tão comum na sociedade, a tradição e o prestígio do ato de benzer permanece em muitas localidades, como em Florianópolis.

Em um estudo realizado por pesquisadores do Espaço Arqueologia em 2018, foi levantado que existem pelo menos 15 benzedeiras e benzedeiros na Ilha de Santa Catarina, entre homens e mulheres de diversas influências religiosas. Com o objetivo de reconhecer a importância cultural desse saber, a Câmara Municipal promoveu nesta terça-feira (30) uma sessão solene em homenagem às benzedeiras e benzedores de Florianópolis.

A benzedeira Elisiana Trilha Castro levou à tribuna a memória de sua avó, benzedeira que lhe passou todo o conhecimento tradicional que tem hoje. "Tudo o que eu aprendi foi dela, da minha avó Olívia. É por ela que eu estou hoje aqui e por todas as benzedeiras e benzedeiros que ainda temos na nossa cidade, que às vezes dão um consolo, um amparo, porque o nosso trabalho é mais esse, de escutar, amparar, trazer um conforto pra alma, e se possível tirar o cobreiro e o sol da cabeça dos desavisados”, disse.

Foram homenageadas ainda as benzedeiras Janaína Correa, Narayana Parayana, Camila Gomes, Ana Cláudia Fraga Costa, Simone Simon e Natalina Osmarina Albano Carli, e o benzedeiro Bernardo Eupídio do Valgas.