TV Câmara

A Câmara Municipal de Vereadores homenageou no Grande Expediente desta segunda-feira (18/03) os 150 anos da Comunidade Luterana no Centro de Florianópolis. A comunidade foi fundada em Florianópolis em 21/02/1869, com imigrantes que aqui residiam e das comunidades de Santo Amaro e Palhoça.

Na tarde desta sexta-feira (15/03) a Câmara de Vereadores realizou uma audiência pública, por meio da Comissão de Orçamento, para demonstrar e avaliar o cumprimento das Metas Fiscais referente ao 3º quadrimestre de 2018 da Prefeitura Municipal de Florianópolis.

Presidindo a audiência, o vereador João Luiz da Bega (PSC) explicou que é dever da Casa Legislativa fiscalizar o Poder Executivo: “Só com o cumprimento das metas fiscais é que podemos fazer com que a cidade cresça e melhore em todos os setores, nós vereadores estamos fazendo nosso papel”.

Florianópolis deu mais um passo na possibilidade de se tornar a primeira cidade do Brasil a ter espaço reservado na praia para animais de estimação. Câmara de Vereadores aprovou nesta quinta-feira (14/03) em primeira votação o projeto de lei complementar que permite cães na praia. A proposta visa demarcar espaços nas praias para receber os cães, acompanhados do tutor e com vigilância dos órgãos de fiscalização. O projeto foi aprovado em primeira votação por unanimidade do plenário da Câmara Municipal de Florianópolis, com 19 votos favoráveis.

Nesta quinta-feira (14/03), a reunião da CPE dos Apagões contou com a presença dos representantes do Procon Estadual e Municipal, que trouxeram dados das reclamações feitas pela população. Apenas em Florianópolis, o número foi de quase 700 denúncias registradas por moradores, quando somadas as recebidas pela Comissão Parlamentar Especial.

O Grande Expediente na sessão da Câmara de Vereadores desta quarta-feira (13/03) contou com a presença dos secretários de Administração, Casa Civil  e Saúde da Capital, para responder perguntas a respeito da situação do Almoxarifado Central de Florianópolis. O almoxarifado foi interditado no dia 31 de janeiro, por não ter licença da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e nem da Vigilância Sanitária de São José, onde fica localizado. A explicação é fruto de um requerimento aprovado em plenário pelos parlamentares.

A Tribuna Livre da Câmara Municipal de Florianópolis  é um espaço para que pessoas e entidades venham ao parlamento apresentar suas ideias. Nesta terça-feira (12/03), participaram pessoas que lutam pela vida e com seus discursos representam muitas pessoas. O 8M, movimento de luta das mulheres e o Movimento “Eu empurro essa causa” foram os participantes da tribuna

Tomaram posse nesta segunda-feira (11/03) os vereadores mirins que vão atuar no biênio 2019/2020 no Legislativo da Capital. O vereador mirim, Gustavo Teixeira, falou na tribuna em nome de todos e ressaltou a importância do projeto na vida deles: “A nossa expectativa é muito grande, e sabemos do tamanho da responsabilidade que é representar o povo florianopolitano na Casa Legislativa, tenho certeza que vamos crescer como cidadãos”.

 A retomada dos trabalhos legislativos da Câmara Municipal de Florianópolis fecha o mês de fevereiro com alto percentual de presença dos parlamentares em plenário. As Sessões Ordinárias do mês tiveram uma média de 95% de comparecimento, quase sempre com ao menos 22 dos 23 vereadores presentes. O resultado vem após uma série de mudanças no sistema de frequência, para modernizar e também dar maior transparência.

 Com a intenção de reduzir gastos, o presidente da Câmara Municipal, Roberto Katumi (PSD), está colocando em prática um enxugamento na máquina pública do Legislativo. A realização de uma reforma administrativa, o corte de gratificações, a revisão de contratos e a extinção de cargos comissionados gerou economia que a soma R$ 1.041.400,00 (Um milhão e quarenta e um mil e quatrocentos reais) em contenções de despesas. “Estamos trabalhando duro e com responsabilidade para reduzir gastos desnecessários.