TV Câmara

Vereadora Maria da Graça promove doações de livros ao Projeto Despertar para a Leitura

Seguindo os passos da frase de Edirceu Luiz Lourenço: “A leitura faz parte da educação e a educação faz parte da vida”, foi realizada na última semana, a doação do livro “Memórias do Canil,” da Vereadora Maria da Graça para o Projeto Despertar para a Leitura. O Projeto está presente no Plano Estadual de Educação em Prisões de Santa Catarina (PEEP/SC), que busca unir o ensino em conjunto com a reabilitação penal. Os livros doados serão distribuídos para as penitenciárias do Estado, para servirem de apoio na reabilitação dos internos, trazendo lições emocionantes sobre a preservação e o respeito à vida animal.

O Projeto Despertar para a Leitura foi desenvolvido em 2016 e encarrega o professor orientador (formado no curso de letras e literatura) a realizar uma prova de nivelamento. Em seguida, os selecionados tem o prazo de 30 dias para lerem um livro, de acordo com o nível de escolarização e conhecimento dele. Após o prazo deverá realizar uma resenha, que será avaliada pela comissão de ensino da unidade prisional. Caso a resenha tenha alcançado a média 6,0 será encaminhada para a o Juiz da Vara de Execuções penais, que concede ou não a remição de quatro dias de pena. Se não conseguir a nota 6,0 a tentativa é anulada e ele começa a ler outro livro. Cada interno pode ler até 12 livros por ano, o que garante remição de 48 dias de pena.

De acordo com a Secretaria de Estado da Administração Prisional e Socioeducativa (DEAP ), o Estado tem 5,5 mil presos que fazem parte da iniciativa e estimula a reinserção social do interno, por meio da literatura.

Os interessados em doar os livros, devem entrar em contato com a Gerência de Desenvolvimento Educacional do Departamento de Administração Prisional (DEAP), pelo e-mail educacao@deap.sc.gov.br ou no telefone (48) 3665-7314.

 

 

*A produção das Notícias dos Gabinetes é de responsabilidade do mandato de cada parlamentar. A Comunicação da Câmara Municipal de Florianópolis não responde pelo conteúdo das mesmas. Cada matéria é assinada pelo vereador autor e é de sua inteira responsabilidade