TV Câmara

Vereador Claudinei Marques participa de evento do Exército em Florianópolis

O dia 22 outubro foi uma noite especial e inesquecível para convidados da comemoração dos 100 anos do 63º Batalhão de Infantaria do Exército em Florianópolis, também conhecido como “Batalhão Fernando Machado”. A comemoração foi realizada no Teatro Pedro Ivo, espaço cultural anexo às instalações da Administração do Governo do Estado de Santa Catarina.

A convite do Coronel Jaques Flório Simplicio, o vereador Claudinei Marques (Republicanos) prestigiou o evento que contou com a presença da Banda Sinfônica do Exército Brasileiro de São Paulo e demais autoridades.

“Estar aqui hoje e representar a população de Florianópolis é reconhecer todo apoio a comunidade, e abertura para diálogo de como o batalhão pode estar sempre em apoio a nossa população”, disse o republicano.

A Banda Sinfônica do Exército é composta por 80 músicos militares, tem como objetivo fazer da música um bem comum, como parte das atividades culturais do Exército, estabelecendo um elo artístico cultural com a sociedade brasileira. Regida pelo Maestro, Tenente Gilson Souza, a Banda Sinfônica executou obras com repertório variado para um público de aproximadamente 400 pessoas, oferecendo o melhor da arte de cada músico e de seu instrumento.

“Receber a banda sinfônica do exército de São Paulo só abrilhantou a homenagem dos 100 anos do 63º Batalhão de Infantaria, com acordes dignos desse centenário de serviço e apoio a nossa cidade e comunidade tanto da ilha como da parte continental”, comentou o vereador Claudinei Marques.

O Coronel Jaques destacou sobre os 100 anos da chegada do 63º. “Além da trajetória até aqui, as inúmeras atividades realizadas, enriquecem a relação de confiança entre a comunidade e as comemorações do centenário. Dentre elas estão as missões de paz em Angola, Timor-Leste e Haiti”, relatou Coronel Jaques.

 

*A produção das Notícias dos Gabinetes é de responsabilidade do mandato de cada parlamentar. A Comunicação da Câmara Municipal de Florianópolis não responde pelo conteúdo das mesmas. Cada matéria é assinada pelo vereador autor e é de sua inteira responsabilidade